Notícias | Cidades

Motorista de aplicativo condenado por feminicídio é vítima de tentativa de homicídio em Varginha

Thallita Mesquita / Varginha Online | 01/03/2024 - 11:11:03
(Foto: Márcio Borges/Varginha Online)

Atualizado em 01/03/2024 - 11h11

 A suspeita é de vingança pela morte de Ana Carolina Anselmo da Silva, em 2019.

Um homem de 38 anos foi agredido a golpes de faca no início da noite desta segunda-feira (26), no bairro Vila Mendes, em Varginha. A vítima foi condenada em 2020 pela morte de sua ex-companheira, Ana Caroline Anselmo da Silva, que foi morta a facadas em 2019. 
De acordo com a Polícia Militar, uma testemunha contou que o agressor gritava que vítima havia matado a “Carol”.
A vítima informou aos policiais que é motorista de aplicativo e que ao, finalizar uma corrida no cruzamento entre as Ruas João Evangelista de Lima e Dona Altamira, um homem abriu a porta traseira do carro e o atingiu com uma faca no pescoço e então uma luta corporal de iniciou. Logo após, o suspeito saiu do veículo e recomeçou a agressão pela janela do motorista, momento em que a vítima conseguiu arrancar com o carro e pedir ajuda à sua mãe, no bairro Vila Flamengo.
A testemunha que havia desembarcado do carro reconheceu o suspeito de 23 anos e afirmou que a agressão pode ter sido por vingança, pois a vítima é o autor do feminicídio contra a prima do suspeito, e que ele, no momento das agressões, estaria gritando isso.
A vítima foi socorrida pelo SAMU com várias lesões e encaminhada ao Hospital Bom Pastor. O suspeito continua foragido.
Segundo as informações apuradas pela Rede Mais, com a PM, o homem, vítima da tentativa de homicídio nesta segunda-feira (26) estava preso desde 2019 pelo feminicídio de Ana Caroline, mas foi solto recentemente.
De acordo com o Ministério Público de Minas Gerais, o autor do feminicídio em 2019, foi condenado a 24 anos de prisão, no dia 25 de agosto de 2020, entretanto o réu recorreu ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG e a pena foi reduzida para 18 anos e quatro meses em julho de 2021.
Ainda, em 31/10/23 Luciano foi transferido para o regime semiaberto e passou a cumprir pena em uma Associação de Proteção e Assistência ao Condenado (Apac), tendo a possibilidade de remissão de pena, ou seja, do abatimento de parte do tempo estipulado na sentença, por meio de trabalho e estudo.

Caso Ana Carolina Anselmo da Silva

Ana Carolina foi brutalmente assassinada a golpes de faca, pelo ex-companheiro, na manhã de 15 de abril de 2019, no bairro Vila Mendes, em Varginha. O crime foi cometido na frente dos filhos do casal, de 1 ano e meio e 5 anos, na época.
Os dois moravam juntos, mas estavam separados na época e o homem não aceitava o fim do relacionamento. Um dia depois do crime, o homem se entregou à polícia e foi preso.

 

 

Siga o Varginha Online no Facebook, Twitter e no Instagram.

Receba gratuitamente nossas notícias no seu celular, escolha o aplicativo de sua preferência:

 
Últimas Notícias
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
SIGA O VARGINHA ONLINE Curta a Página do VOL no Facebook Siga o VOL no Twitter Fale conosco
Página Principal | Expediente | Privacidade | Entre em Contato | Anuncie no Varginha Online
Site associado ao Sindijori

Todos os direitos reservados 2000 - 2023 - Varginha Online - IPHosting- Hospedagem de Sites (Parceiro Varginha Online)