Notícias | Eleições
Portal Uai | 26/10/2010 - 08:34:45
Feriado prolongado, colheita de cana e seca aumentam medo de abstenção no 2º turno

Coordenadores das campanhas de Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB) estão preocupados com o impacto do feriado prolongado, da estiagem e de outros eventos sazonais na votação

Preocupados com a alta taxa de abstenção no segundo turno, PT e PSDB vão passar a semana tentando reforçar a importância do comparecimento às urnas no domingo. Tucanos querem evitar a debandada de eleitores em virtude do feriado prolongado em alguns estados. Petistas temem ainda por romarias no Nordeste, como a de Finados, em Juazeiro do Norte, no Ceará. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 24,6 milhões de pessoas deixaram de votar no primeiro turno. O índice, de 18,12%, foi o mais alto desde 1998. As campanhas presidenciais acreditam que esse número deverá crescer no segundo turno.

Levantamento do TSE mostra que, em 3 de outubro, os ausentes estavam concentrados em cidades pequenas, como Guajará, no Amazonas. Dos 7.818 eleitores aptos no município, apenas 3.722 votaram. A seca que atinge a região é apontada como motivo pela abstenção de 52,3% dos eleitores. Outras seis cidades do estado também tiveram um alto número de faltosos. De acordo com a Defesa Civil estadual, 38 dos 62 municípios do estado decretaram situação de emergência. Mais de 72 mil famílias já foram atingidas pela estiagem e o baixo nível dos rios.

“Muitos eleitores moram em comunidades de difícil acesso e os barcos não estão passando”, explica Miriam Ferreira de Lima, chefe do cartório eleitoral da região. Segundo ela, a Justiça Eleitoral no estado está fretando botes e voadeiras para evitar uma abstenção ainda maior no segundo turno. “É nosso dever. Vamos ter mais gastos, mas somos responsáveis pelos eleitores.” Miriam explica ainda que, além de novos barcos, a Justiça Eleitoral vai gravar mensagens para rádios locais orientando os eleitores a não deixarem de votar. Segundo o diretor do TRE-AM, Pedro Batista, a expectativa é de que o índice de faltosos aumente, pois a seca deixou vários rios no estado sem navegação.

Na Região Sudeste, políticos envolvidos nas campanhas dos presidenciáveis estão apreensivos, mas tentam demonstrar otimismo. “O nosso adversário está muito preocupado com a ausência. É natural que no segundo turno haja um índice um pouco maior, mas nossos eleitores vão votar. Tenho certeza”, afirma o deputado federal Cândido Vacarezza (PT-SP), um dos coordenadores da campanha de Dilma Rousseff. Em São Paulo, os tucanos temem que o feriado prolongado esvazie algumas seções do maior colégio eleitoral do país. De olho nisso, o PSDB prepara um levantamento sobre o possível impacto da abstenção nos estados.

Migração

Em Minas Gerais, o alto percentual de ausentes no Vale do Jequitinhonha pode atrapalhar os planos petistas. A abstenção é motivada pela saída de trabalhadores que vão buscar sustento nas usinas de açúcar e álcool no interior paulista. Em Jenipapo de Minas, a ausência foi de 41,32%, uma das mais altas do país, e a perspectiva é que o índice se repita no domingo. “Esse alto índice de abstenção é uma consequência de um flagelo social, que se repete a cada ano em nossa região, representado pela migração. Os pais saem para o corte de cana, deixando para trás as mulheres e filhos, pela falta de uma alternativa econômica e outro meio de sustentabilidade”, lamenta o prefeito de Jenipapo de Minas, Márlio Costa (PDT). Segundo ele, a cada ano, cerca de 2,5 mil pessoas deixam o lugar em busca do sustento temporário nos canaviais paulistas.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Jenipapo de Minas, Francisco Gomes Nunes, também lamenta o alta abstenção por causa da êxodo para as usinas de açúcar e álcool. “Isso é ruim porque as pessoas não exercem o direito de cidadãs”, diz. Ele afirma que a tendência é que no segundo turno, o não comparecimento vai ser manter no mesmo índice do primeiro turno.


 

 

Siga o Varginha Online no Facebook, Twitter.

 

Comente a Notícia!


Página Principal | Notícias | Entretenimento | Guia Comercial | Guia de Bares e Restaurantes | Guia de Hospedagem
SIGA O VARGINHA ONLINE Curta a Página do VOL no Facebook Siga o VOL no Twitter Fale conosco
Quem Somos | Entre em Contato | Cadastre sua Empresa | Cadastre seu Evento | Central do Usuário | Anuncie no Varginha Online

Todos os direitos reservados 2000 - 2014 - Varginha Online - IPHosting- Hospedagem de Sites (Parceiro Varginha Online)