Coluna | Fatos e Versões
Rodrigo Silva Fernandes
Advogado e articulista político do Jornal Gazeta de Varginha. Escreve todas as quartas e sextas.
Trabalho Voluntário para muitos, mas bem remunerado para poucos!; A diferença aqui e acolá!; Bastidores das entrevistas;
30/10/2020

Trabalho Voluntário para muitos, mas bem remunerado para poucos!

Varginha tem 1104 mesários cadastrados para atuarem nas eleições municipais deste ano, mas o Cartório Eleitoral de Varginha ainda não conseguiu preencher todas as vagas. Em Minas Gerais, serão necessários 208.296 mesários para garantir o funcionamento de 52.074 seções eleitorais no dia 15 de novembro, quando acontece o primeiro turno da eleição para prefeitos e vereadores. Segundo o Cartório Eleitoral, há anos, Varginha tem trabalhado apenas com mesários voluntários. Em que pese a honra de contribuir com um movimento democrático de destaque como as eleições, e mesmo as vantagens legais dadas a quem se prontifica a trabalhar como voluntário, tais como dispensa do trabalho etc. É fato que para muitos cidadãos fica um “desconforto” saber que o juiz, o promotor de Justiça, os servidores do TRE/MG vão ganhar gordas diárias para trabalhar no domingo de eleições. Já os políticos que disputam as eleições municipais vão distribuir os bilhões de reais do Fundo Eleitoral para atuar nas eleições. Já o cidadão, muitas vezes convocado para trabalhar no domingo de eleições e demais dias de treinamento da Justiça, este não ganha nada, além de revolta com a eleição dos muitos “corruptos e maus gestores” que vez por outra vemos por ai! Fica a dica!

A diferença aqui e acolá!

O delegado Cleyson Rodrigo Brene, da 1ª Delegacia Regional em Poços de Caldas, é um dos vencedores, na categoria jurídica, do concurso "Melhores Delegados de Polícia do Brasil", promovido pelo Portal Nacional dos Delegados e Revista da Defesa Social. Esse é o terceiro ano consecutivo que Brene recebe a premiação na mesma categoria. Foram 2.037 delegados de polícia indicados, habilitados e avaliados em todo o Brasil, concorrendo nas categorias jurídicas, de investigação, gestão, destaque, Delegacia da Mulher (Deam) e legislador. Já em Varginha, o ex-delegado regional de Polícia Civil, Wellington Clair, foi preso em uma operação do Ministério Público de Minas Gerais na manhã de terça-feira (27/10). A Operação “Ilusionista” cumpriu também dois mandados de busca e apreensão contra o alvo em São Gonçalo do Sapucaí. Clair ocupou o cargo de delegado regional entre 2018 e 2019 e estava entre os pré-candidatos a prefeito de Varginha. O delegado é hoje vereador em São Gonçalo do Sapucai e tenta a reeleição. A operação que culminou nas prisões é resultado das investigações realizadas entre 2019 e 2020 sobre crimes no Departamento de Trânsito (Detran).

Bastidores das entrevistas

Nos comentários da coluna sobre os bastidores das entrevistas, vamos hoje abordar a impressão pessoal da coluna sobre as falas e atitudes dos candidatos, bem como, pontos de destaques das falas e programas de governo dos candidatos divulgados na última rodada de entrevistas realizadas pelo Jornal Gazeta de Varginha em parceria com o Portal Varginha Online, Rogério Bueno (PSB), Vérdi Melo (Avante) e Zacarias Piva (PSL). O candidato Rogério Bueno chegou a Gazeta juntamente com seu vice, professor Mário, e com o deputado estadual professor Cleiton Oliveira (PSB), apoiador da chapa. Bueno se mostrou confiante nas respostas, contudo incomodado com a pergunta que o associava ao Partido dos Trabalhadores – PT, seu antigo partido. Bueno é um candidato preparado, mas que nitidamente não possui o apoio político que esperava para estas eleições. Varginha tem sete candidatos, um número histórico que fracionou tanto direita quanto esquerda. Rogério Bueno foi um dos mais prejudicados com este fracionamento de forças políticas na cidade. Além disso, vale ressaltar, o PT não lançou candidato o que beneficia Bueno que poderá herdar a maioria dos votos petistas na cidade, contudo, também fragiliza a campanha do PSB tendo em vista que boa parte dos eleitores que reprovam as gestões petistas podem ser levados a pensar que Bueno seria o “candidato do PT” nestas eleições. Bueno se saiu bem nas respostas, mostrou que tem personalidade e histórico político local o que pode surpreender. Prova disso é que, há quatro anos quando Bueno também tentou a Prefeitura de Varginha, naquela época pelo PT, que já sofria desgaste, o candidato ficou em terceiro lugar com boa quantidade de votos. Vale ainda destacar que o apoio do deputado estadual professor Cleiton Oliveira (PSB), fortalece interna e externamente a candidatura de Rogério. O parlamentar estadual conseguiu boa votação em Varginha, embora não seja natural da cidade. Além disso, a estrutura do mandato de Cleiton Oliveira é importante apoio à candidatura municipal do PSB, que também pode utilizar as conquistas do parlamentar como “referência” para atuação de uma eventual gestão municipal do PSB. Durante a entrevista de Rogério Bueno, o deputado estadual Cleiton Oliveira anunciou a negociação de deputados estaduais sul mineiros com o Governo de Minas que resultou no compromisso de retomada da obra de duplicação da BR 491 entre Varginha e a Rodovia Fernão Dias, uma importante obra para Varginha e região.

Bastidores das entrevistas – 02

Vérdi Melo e Leonardo Ciacci concederam entrevista à Gazeta e ao Portal Varginha Online numa tarde de sábado em que a chapa promovia diversas ações e interações com eleitores. Seguramente as perguntas ao candidato que busca a reeleição foram mais duras e desafiadoras. Vérdi Melo (Avante) está em um partido pequeno e sem estrutura, assumiu o Executivo há alguns meses em meio a uma pandemia mundial e construiu sua esperada candidatura de reeleição sob forte pressão de aliados e adversários. Embora fosse esperada a união de Vérdi e Ciacci, a construção da chapa rendeu muitos “desencontros políticos”. Ainda assim, Melo conseguiu a maior aliança desta eleição municipal. O entrosamento entre eles parece ser muito bom, afinal, os dois já trabalham juntos há anos e ambos têm longa experiência com o poder público e particularmente com esta gestão. Os dois foram aliados de primeira hora do ex-prefeito Antônio Silva ao longo destes 7 anos de gestão. Aliás, o ex-prefeito Antônio Silva, que se mostra um dos maiores “cabos eleitorais” nestas eleições municipais (tendo em vista que Geisa Teixeira sumiu), não participou da entrevista, mas, foi citado por Vérdi como sendo um de seus principais apoiadores a exemplos de outros ex-prefeitos como Aloysio Ribeiro de Almeida e Eduardo Ottoni. Vale também destacar que os apoiadores da chapa Vérdi/Ciacci foram lembrados na entrevista e Vérdi parece que não se incomoda ou se intimida de citar seus apoiadores, principalmente os deputados federais que atuam em Varginha. O candidato está preparado para responder indagações quanto a Dimas Fabiano e Diego Andrade. Em que pese alguma rejeição aos nomes, tais parlamentes trouxeram muitos recursos para Varginha e Vérdi disse que vai honrar todos os parlamentares que trabalharem pela cidade, o que deixa em aberto a aproximação de novos parlamentares em caso de vitória da reeleição. Isso interessa a muitos grupos políticos locais e de fora de Varginha. Quanto a situação orçamentaria e política da cidade, os candidatos se mostraram afinados em dizer que o gordo empréstimo de quase R$ 27 milhões é um recurso que terá sua maior parte destinada ao próximo prefeito e não a esta gestão, bem como que o caixa municipal “estaria equilibrado e com boas perspectivas para os próximos anos”. Tanto assim que o atual prefeito disse, em primeira mão à Coluna Fatos e Versões, que pretende reduzir impostos, caso seja eleito! Quanto às obras realizadas neste período eleitoral, Vérdi e Ciacci destacaram que este “foi o momento possível para realizá-las, não se tratando de obra eleitoreira”. Contudo, o que chama a atenção foi o compromisso de Vérdi ao dizer que o “embalo das obras deve aumentar no ano que vem”, segundo os planejamentos e prazos estipulados, o que, obviamente favorece o candidato e merece ser anotado para 2021. Vérdi e Ciacci estão afinados politicamente para as eleições, mas os grupos políticos que representam, nos bastidores, caminham se distanciando a cada dia. Enquanto Ciacci fortalece o Partido Progressista e seus aliados próximos para ganhar as eleições em 2020 e aumentar a votação de seu deputado pepista na cidade; o grupo de Vérdi Melo luta para conseguir apoio para ganhar as eleições agora e pulverizar apoio (e por consequência votos) nas eleições de 2022. Os dois não teriam problemas para governar juntos num eventual mandato na Prefeitura de Varginha, mas certamente seria questão de tempo para que a “tropa de cada um começasse a estranhar a outra”.

Bastidores das entrevistas – 03

O candidato Zacarias Piva não foi o mais confiante a dar entrevista a Gazeta/Varginha Online, mas certamente foi o mais “firme nas convicções” ao explicar seu plano de governo e responder as perguntas da entrevista. Zacarias Piva (PSL) concedeu entrevista em seu comitê central no centro de Varginha, a poucos metros do comitê de seu principal adversário. Entre seus apoiadores, depois de uma passeata pela cidade, Piva conversou com a Gazeta e disse que pretende mudar a forma de fazer política se for eleito em novembro. O candidato respondeu com firmeza, mas deixou o “ar de arrependimento” do tempo em que foi um dos principais apoiadores do governo atual e que hoje enfrenta nas urnas. Zacarias Piva se reinventou em poucos meses para mudar de partido, saindo do Partido Progressista para integrar o PSL e montar o segundo maior arco de alianças desta campanha municipal. Certamente que, “das novidades eleitorais de 2020”, Zacarias Piva é o que mostra maior chances de êxito, mas pagará alto preço se não conseguir bom desempenho eleitoral. O candidato tem o apoio de dois fortes parlamentes, o deputado federal do PSL Charles Evangelista (da região de Juiz de Fora) e do senador Rodrigo Pacheco (Democrata) que embora não tenham grande força política na região não trazem qualquer constrangimento a chapa liderada por Zacarias Piva, tendo como vice o médico Vismário Camargos (Democrata). Alias, o vice de Piva é também um nome novo na política que vem perseverando no tabuleiro político local. Hoje juntos, Piva e Vismário já foram adversários em 2018 quando disputaram uma vaga de deputado e isso pode voltar a ocorrer no futuro, principalmente se não forem vitoriosos em 2020. Mas a confiança e o foco de Piva e a receptividade que o candidato tem tido nas ruas mostra que “nada está decidido e que Piva está no páreo”. A divisão política que causou a criação de 7 candidaturas a prefeito em Varginha foi a mesma força que fortaleceu a candidatura de Piva, que conseguiu apoios de direita e de esquerda e agora causa preocupação na chapa que busca a reeleição. Todos os candidatos a prefeito de Varginha têm chance e legitimidade de ocupar o maior posto de comando da cidade. Além disso, todos estão monitorando as pesquisas e movimentos do eleitor, que agora começa a se interessar por política. Contudo, pelos bastidores acompanhados pela coluna, Zacarias Piva parece ser o “que tem conseguido mais sucesso em conversar com a pluralidade da sociedade varginhense”. O tempo dirá se a estratégia de Piva vai dar certo, mas é certo também que, se mantiver os atuais apoios após as eleições municipais, não será a última vez que ouviremos falar de Zacarias Piva! A conferir.

Perguntar não ofende

Um delegado e um vereador acusados de crimes graves concorrem a reeleição em São Gonçalo Sapucaí e em Varginha. Será que votamos mal no passado ou que precisamos redobrar a atenção com a escolha neste ano? Ou as duas coisas?

A esperada força das redes sociais na campanha eleitoral é um fato, da mesma maneira que a onda de notícias falsas que invade as eleições e que dificilmente a Justiça vai conseguir prender alguém! Será que apenas Juliano Rodrigues será alvo da Justiça?

Varginha tem a 41ª vítima da Covid-19 e mais uma pessoa é atropelada na Av. Dos Imigrantes. A diferença é que a pandemia é mundial e não foi planejada, já a incompetência do Demutran municipal já dura décadas! Será que vai continuar assim?

Comente!

 
Últimos artigos deste colunista
« ver todos
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Colunistas

Página Principal | Notícias | Entretenimento
SIGA O VARGINHA ONLINE Curta a Página do VOL no Facebook Siga o VOL no Twitter Fale conosco
Expediente | Privacidade | Entre em Contato | Anuncie no Varginha Online

Todos os direitos reservados 2000 - 2021 - Varginha Online - IPHosting- Hospedagem de Sites (Parceiro Varginha Online)