Coluna | BRASILzão
Fábio Brito
O editor e jornalista Fábio Brito é responsável pela edição e publicação de centenas de títulos voltados às realidades do Brasil. Durante anos esteve à frente de selos editoriais importantes e renomados e no presente momento impulsiona, através de consultorias específicas nas áreas editorial e cultural, os selos Bela Vista Cultural e FabioAvilaArtes. A coluna Brasilzão, inicialmente através do Jornal Correio do Sul, de Varginha, foi iniciada em 11 de julho de 2004 e tem contado com a importante parceria do Varginha Online na disponibilização de vivências de Fábio Brito por todo o Território Nacional e por países por onde perambula em suas andanças.
Lúcio Costa, pai da adorável Maria Elisa. Pai de Brasília
12/06/2020
Querida amiga Maria Elisa,

Saudades , saudades e... saudades!

Que bom poder comunicar-me com a "Biza".

Ontem lembrei-me de seu pai nos contando como tinha sido a sua chegada em Londres em 1918. Ouvi-lo foi um momento mágico e histórico em minha vida.

Depois veio o livro ancorado pela garra de sua amada filha, Maria Elisa, e seu vasto conhecimento sobre a trajetória desse ilustre brasileiro chamado Lúcio Costa.

Sempre penso em você quando vou a Peirópolis e visito o Museu dos Dinossauros.

Fico hospedado no alojamento da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) e quando há lua cheia, levanto-me durante a madrugada para dialogar com os dinossauros e as estrelas...

Emoção pura! O cérebro e os sentidos aflorando ao tentar compreender o incompreensível e o inalcançável mistério da nossa efêmera passagem pelo planeta Terra.

Ouço o sussurrar do vento acariciando as folhas prateadas das palmeiras que estão iluminadas pelo comemorável luar no breu da noite.

Os dinossauros lá estiveram há milhões de anos e o nosso diálogo versa sobre a insignificância do meu ser e do meu existir. E assim varo a noite de um sábado que não voltará jamais pois o que passou passou ...

Não há mais moças recostadas nas palmeiras da estrada ... e, sendo brasileiro de estatura mediana, gosto muito de fulana e ciclana é quem me quer...

A velhinha no alpendre? A criançada com os tios na varanda? A fala estridente da araponga? O leite morno direto das tetas da vaca? O latir longínquo do cão em noite alta de céu risonho? 

Volta o confinamento à la Raul Pompéia em "O Ateneu". Um feixe de luz me traz de volta a querida Maria Elisa, acompanhada do clarão provocado pela energia do imortal Lúcio Costa, seu pai e o "pai de nossa Capital Federal".

Um fraterno abraço a você em tempos de pandemia,

Fábio de Brito Ávila

Seu fã e admirador.

Comente!

 
Últimos artigos deste colunista
23/07/2020 | Borba o Gatinho
« ver todos
 
Colunistas

Página Principal | Notícias | Entretenimento | Guia Comercial | Guia de Bares e Restaurantes | Guia de Hospedagem
SIGA O VARGINHA ONLINE Curta a Página do VOL no Facebook Siga o VOL no Twitter Fale conosco
Quem Somos | Entre em Contato | Cadastre sua Empresa | Cadastre seu Evento | Central do Usuário | Anuncie no Varginha Online

Todos os direitos reservados 2000 - 2014 - Varginha Online - IPHosting- Hospedagem de Sites (Parceiro Varginha Online)