Coluna | Fatos e Versões
Rodrigo Silva Fernandes
Advogado e articulista político do Jornal Gazeta de Varginha. Escreve todas as quartas e sextas.
Educação é prioridade; Banho de excelência; Grave acidente
19/02/2020

 A conta de todos!

A Prefeitura de Varginha e a empresa Autotrans, responsável pelo transporte coletivo urbano na cidade, estão administrando uma difícil tarefa: gerir o processo de gratuidades no transporte público urbano. É certo que “não existe passe livre”, pois valor não pago pelo estudante, deficiente físico e outras gratuidades atualmente em validade, é incluído no valor atual da tarifa. Deste modo, é mesmo necessário que se tenha o menor número possível de gratuidades para que o trabalhador que usa e paga pelo transporte público não seja penalizado por pagar toda a conta. Acredito que a Autotrans e a Prefeitura de Varginha estão no seu dever de evitar que pessoas que não precisem da gratuidade tenham esta vantagem indevida. Contudo, é preciso que exista total lisura e critério técnico para que seja definido quem realmente merece e precisa da gratuidade do transporte público. Afinal, esta conta que é de todos, não recai sobre todos, mas somente sob quem utiliza e paga pelo sistema. Já a empresa Autotrans, precisa melhorar seu serviço, veículos mais confortáveis, modernos e mais veículos nas ruas. E o papel da Prefeitura de Varginha, após “sangrar estudantes e outros que possuem gratuidades”, é de cobrar a empresa para que melhore o transporte coletivo urbano! A conferir!

Fortes chuvas: (faltou) Planejamento e fiscalização

As fortes chuvas que caíram durante toda a semana passada e continuam castigando Varginha e outras regiões de Minas e Espírito Santo são um exemplo da falta de planejamento de muitas cidades e até mesmo falta de fiscalizações por parte do Estado e municípios. No caso de Varginha, as chuvas já estavam previstas há tempos, sempre na mesma época do ano! Não há razão para que, somente após as chuvas e os danos ocorridos a fiscalização da Prefeitura de Varginha identificar muros construídos irregularmente, moradias em regiões interditadas ou irregulares com risco de desabamento. Estas obras já estavam lá bem antes das chuvas, que já estavam previstas. Porque não foram fiscalizadas antes das chuvas? Porque a Prefeitura de Varginha não identificou estes imóveis irregulares quando ainda estavam em construção? E agora, os imóveis interditados serão demolidos? Serão indenizados? Para onde vão os desabrigados? Quem vai pagar por isso? Faltou fiscalização neste caso!

Fortes chuvas: (faltou) Planejamento e fiscalização

Já quanto ao planejamento das obras públicas e privadas em andamento na cidade, temos que observar que a ocorrências de chuvas não é novidade! O que muda ano a ano é o planejamento do Poder Público quando planeja a cidade por meio do Plano Diretor, o que alias, Varginha não tem no momento! Vamos pegar alguns exemplos. A Prefeitura de Varginha realizou há poucos anos as obras de reconstrução da ponte no bairro Santa Maria, próximo a antiga quadra que foi demolida para dar lugar a futura rotatória, próximo ao Posto Pedra Negra. Justamente naquela região o ribeirão transbordou, coincidência? Não! Por certo faltou planejamento de vazão, no mínimo, falta de limpeza da calha do ribeirão para impedir o transbordamento. Outro exemplo, nas avenidas Plinio Salgado e Otávio Marques Paiva houve problema de vazão da água, enchentes e danos. Vale ressaltar que ambas as avenidas receberam obras recentes do poder público. Não planejaram regularmente o volume de água pluvial destas avenidas que ficam em baixadas? Onde estão as empresas e engenheiros que fizeram tais planejamentos? O problema é que não temos planejamento quando da construção e modernização das obras, e por final, não temos fiscalização do que se faz pela cidade e quem faz o quê! Na Av. Plínio Salgado um muro irregular desabou! Certamente que o muro já estava lá, porque não foi identificado pela fiscalização?

Educação é prioridade

Em que pese os muitos problemas a resolver na cidade, é visível a preocupação deste governo municipal com duas áreas importantes: saúde e educação. Aliás, estas áreas sempre foram prioridades das gestões anteriores de Antônio Silva. Nesta administração não poderia ser diferente. Na semana que passou o governo municipal inaugurou, no Bairro Carvalhos, a Escola Professor Wanderley Bueno de Oliveira. Escola de Ensino Fundamental e tempo integral, com 12 salas, laboratórios, refeitório, cozinha, quadra poliesportiva coberta, 3.000m2 de área construída, em terreno de 15.000m2. Investimentos de R$ 3.500.000,00 na edificação, o terreno avaliado em R$1.000.000,00 foi adquirido por permuta e o mobiliário, carteiras modernas, equipamentos de informática e outros materiais custarão cerca de R$ 600.000,00. Recursos exclusivamente da Prefeitura de Varginha. Vai atender cerca de 500 crianças, em regime de tempo integral, atendendo os bairros Carvalhos, Cruzeiro do Sul, Novo Tempo e Imperial, bairros carentes da cidade. É preciso registrar que a região carente que recebeu esta escola com total infraestrutura recebeu também uma importante nova via de ligação entre bairros.  Para facilitar o acesso da população da região à escola, a Prefeitura construiu uma rua que interligará os bairros Novo Tempo e Cruzeiro do Sul ao Carvalhos proporcionando mais comodidade e segurança para quem diariamente se desloca nesse trecho. Antes, o acesso era feito por um trilho improvisado.

Guarda Municipal recebe apoio da iniciativa privada

A Guarda Civil Municipal de Varginha – GCM - realizou ontem, terça feira, em sua sede no bairro Jardim Orlândia, a cerimônia de recebimento de móveis para compor a Biblioteca da instituição. O mobiliário novo foi doado pela empresa Eurofarma que após conhecer o Projeto Unidos pelo Saber – GCM & Comunidade, de cunho social, abraçou a causa. São seis cabines (tipo telemarketing) que vão facilitar a leitura individual, 68 cadeiras sendo duas giratórias e mais duas com encosto elevado, duas mesas de secretária, dois gaveteiros e mesa de reunião.  A Guarda Municipal já possui Centro de Formação, sala de treinamento e agora prepara sua biblioteca, que também terá computadores. O espaço estava aberto ao público para utilização de alunos da rede pública e privada. A Eurofarma é empresa do ramo farmacêutico possui desde 2018, em Varginha, um centro de distribuição para todo o país. É importante a interação da Guarda Municipal com a iniciativa privada, a exemplo de outras estruturas públicas que sempre contam com apoio privado como a Fundação Cultural e Fundação Hospitalar. No futuro, a melhoria de eficiência da Guarda Municipal, tão esperada pela população e iniciativa privada, pode permitir que a criminalidade seja reduzida na cidade, poupando os cidadãos e empresas dos prejuízos de roubos e vandalismos que temos em Varginha.

Plano Estratégico Minas Gerais e Espírito Santo é lançado na Fiemg

O governador Romeu Zema participou nesta segunda-feira (17/2), na Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), em Belo Horizonte, do lançamento do Plano Estratégico Minas Gerais e Espírito Santo. A partir da união de esforços, a iniciativa busca promover o desenvolvimento econômico e industrial dos dois estados. As obras previstas no Plano Estratégico têm o potencial de atrair investimentos da ordem de R$ 45,9 bilhões. O projeto ainda conta com a colaboração da Fiemg e da Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes). De acordo com estudo realizado pelas entidades, a previsão é de aumento do faturamento de aproximadamente R$ 170 bilhões em diversos setores brasileiros durante os anos de execução dos investimentos, sendo R$ 60 bilhões em Minas Gerais, R$ 17 bilhões no Espírito Santo e R$ 93 bilhões no restante do país. O mercado de trabalho brasileiro pode ser impulsionado com um incremento de 104 mil postos de trabalho, 47 mil em Minas e 12 mil no Espírito Santo, e com a geração de R$ 33 bilhões de renda salarial. A arrecadação de impostos também pode crescer cerca de R$ 8 bilhões com o andamento do plano, elevando a capacidade dos estados de prover serviços públicos à população. Na avaliação do presidente da Fiemg, Flávio Roscoe, essa é uma iniciativa única na política recente, pelo menos no Sudeste, da união entre os dois estados em desenvolver de maneira integrada as suas populações. As áreas de atuação escolhidas são infraestrutura e logística, negócios de óleo e gás, desenvolvimento do Vale do Rio Doce e segurança jurídica em transações interestaduais.

Perguntar não ofende

Encontro empresarial e político ocorrido em BH reuniu lideranças do MDB e PSB de Varginha. Será que uma parceria entre nomes como Carlos Costa e Rogerio Bueno poderiam ser a terceira via para a mudança política local? A conferir!

O vice-prefeito Vérdi Melo já definiu em qual legenda vai disputar a Prefeitura de Varginha? Que diferença faz a escolha da legenda para o vice? No tabuleiro político local, quais legendas são as “menos piores ou as mais vantajosas” para os candidatos?

Banho de excelência

A Secretaria Municipal de Turismo, juntamente com parceiros como a Guarda Municipal, Polícia Militar e a própria população de Varginha deram um “banho de excelência” na execução desta edição do Banho da Doroteia! O evento transcorreu conforme prometido sem nenhuma ocorrência grave e milhares de pessoas foram até a praça da Fonte curtir o grito de Carnaval antecipado “ressuscitado” por esta administração. Varginha já se destacou no passado por seu Carnaval e muitos outros eventos populares como Feira da Paz. Contudo, as crises financeiras que se seguiram foram afetando os eventos populares produzidos pelo Executivo. Nesta administração, após muitas cobranças e promessa de campanha de Antônio Silva, o Banho da Doroteia foi resgatado e o projeto foi prontamente abraçado pela população de Varginha, que tem lotado as edições desde a retomada do evento. Neste ano a produção do evento procurou boas atrações e preparou a praça da Fonte para receber a população. O comércio local também conseguiu a oportunidade de vender mais, já que no Carnaval muitos viajam. A equipe de segurança do Banho da Doroteia envolveu seguranças contratados, polícia militar e guardas municipais também conseguiram bons resultados. O evento ocorreu no período da tarde, avançando até o começo da noite, para não incomodar os vizinhos da praça, que mesmo sendo região central abriga muitas moradias. A população compareceu em peso e o governo municipal cumpriu sua promessa de realizar um evento de excelência.

Grave acidente

Um grave acidente envolvendo um caminhão com café e outros 3 veículos na ponte da BR 491, próximo a entrada do Clube Campestre, fechou a rodovia na noite de segunda feira 17/02. O motorista do caminhão deixou o local em estado grave e outros envolvidos foram levados aos hospitais de Varginha. A pista ficou repleta de óleo e os socorristas e equipe da Polícia Rodoviária e DEER tiveram muito trabalho para desobstruir a pista que ficou fechada por horas. Uma longa fila de veículos se formou dos dois lados da pista. O trecho da BR 491, onde ocorreu o grave acidente, faz parte do pedaço não duplicado da pista. A obra de duplicação foi paralisada há mais de um ano e uma longa disputa política junto ao Governo de Minas está em curso para que a obra seja retomada. Certamente que se tivéssemos duas pistas naquele trecho, não teria ocorrido o acidente e muitos outros também teriam sido evitados, contudo, a obra continua parada e muito das terraplenagens e sinalizações no perímetro estão se perdendo por conta da demora em retomar as obras. A diretoria do DEER/MG em Varginha (inerte e acéfala) nada responde nem realiza para garantir maior segurança na BR 491 e com as fortes chuvas que caem na região, deixou sua incompetência ainda mais a mostra. Dezenas de obras precisam ser feitas pelo DEER na região, contudo o poder de resposta do órgão, que já era limitado, foi reduzido. A coluna já havia “cantado a pedra” sobre a irresponsabilidade de não concluir a duplicação da BR 491 no trecho entre Varginha e a Rodovia Fernão Dias. Até quando vamos arriscar vidas humanas nas mal cuidadas estradas da região?

 

 

Comente!

 
Últimos artigos deste colunista
« ver todos
 
Colunistas

Página Principal | Notícias | Entretenimento | Guia Comercial | Guia de Bares e Restaurantes | Guia de Hospedagem
SIGA O VARGINHA ONLINE Curta a Página do VOL no Facebook Siga o VOL no Twitter Fale conosco
Quem Somos | Entre em Contato | Cadastre sua Empresa | Cadastre seu Evento | Central do Usuário | Anuncie no Varginha Online

Todos os direitos reservados 2000 - 2014 - Varginha Online - IPHosting- Hospedagem de Sites (Parceiro Varginha Online)