Coluna | Viver Consciente
Willes S. Geaquinto
Psicoterapeuta Holístico, Consultor e Palestrante Motivacional, Escritor - Autor dos livros "Cidadania, O Direito de Ser Feliz” e Autoestima – Afetividade e Transformação Existencial

Interatividade: Os textos desta coluna expressam apenas a opinião do autor sobre os assuntos tratados, caso o leitor discorde de algum ponto ou, até mesmo, queira propor algum tema para futura reflexão, fique a vontade para comentar ou fazer a sua sugestão.

Site: www.viverconsciente.com.br
Querer é poder?
07/04/2008
Creio que você já deve lido em algum lugar, ou ouvido alguém dizer alguma frase do tipo: “querer é poder, você é aquilo que você quer ser”. Da mesma forma, você já deve ter pensado que isso não tem nada ver, já que você tem se esforçado para ser ou fazer diferente, mas, tudo continua a ser como sempre foi. Aí eu lhe pergunto: “Será que simplesmente querer já basta?”. A mim isso me parece muito fácil, posto que se só querer bastasse, a vida da maioria das pessoas seria uma maravilha. Mesmo assim, não descarto de pronto o fato de que querer pode ter algum significado para quem deseja mudar ou conquistar algo, apenas penso que é preciso agregar algo mais ao querer. Falo isso por que durante minha vida conheci pessoas que tinham, digamos assim, muitos quereres. Porém, ficaram ali, “sentadas à beira do caminho”, esperando que alguém ou algo de mágico e sobrenatural mudasse suas vidas ou trouxessem até elas o fruto do que queriam. Resultado, muitas delas permanecem até hoje alimentando quereres; outras, frustradas, mergulharam em vícios e desconfortos até morrerem para a vida, algumas de fato, outras de ausência.

O querer que considero válido é aquele em que você agrega a vontade racionalizada, é aquele que você transforma em algo verossímil e que gera entusiasmo e motivação para concretizar. É aquele que sai da esfera do pensamento para a ação, é aquele que você coloca em movimento, dia após dia, gerando o compromisso pessoal e responsabilidade de torná-lo realidade. Em sendo assim, convido-o, no momento presente, aqui e agora, a essa viagem além do querer, além da subjetividade dos seus planos e metas, além das facilidades aparentes, para, como se diz, colocar a “mão na massa” e, perseverante, promover salutares mudanças e realizar o melhor em sua vida.

Boa Reflexão para você.

Comente!

 
Últimos artigos deste colunista
18/03/2022 | Homo Homini Lupus
25/01/2022 | Ser mais
10/01/2022 | Não olhe para cima
« ver todos
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Colunistas

Página Principal | Notícias | Entretenimento
SIGA O VARGINHA ONLINE Curta a Página do VOL no Facebook Siga o VOL no Twitter Fale conosco
Expediente | Privacidade | Entre em Contato | Anuncie no Varginha Online

Todos os direitos reservados 2000 - 2021 - Varginha Online - IPHosting- Hospedagem de Sites (Parceiro Varginha Online)