Notícias | Geral

Fique atento aos golpes de WhatsApp; especialista dá dicas importantes

Thallita Mesquita / Varginha Online | 12/05/2024 - 13:28:46
(Foto: Pixabay)
Um dos golpes mais comuns no aplicativo de mensagem “WhatsApp” é quando “clonam” a conta de algum amigo ou familiar e usam a foto deles em outro número para pedir dinheiro ou favores.
Mas, a falsa conta de WhatsApp é só um dos exemplos dos muitos golpes que circulam pelo aplicativo, explicou o professor de Inovação e Tecnologia da UNIFAL, Hélio Costa. "Tem o falso representante de banco, oferta de emprego milagrosa, sorteio de prêmios inexistentes... A lista é enorme, mas há maneiras de se proteger".

Foto: Prof. Dr. Hélio L Costa (Arquivo pessoal)

Como se proteger?

O professor Hélio nos dá algumas dicas:
  • Cuidado com a foto do perfil: Se alguém te pedir dinheiro e você não tiver certeza se é realmente seu amigo ou parente, peça para ele enviar uma foto segurando um documento com foto. Outra opção é ligar para a pessoa e confirmar por voz se ela mesma (veja a observação no final).
  • Desconfie de links: Nunca clique em links recebidos de pessoas desconhecidas (e mesmo de pessoas conhecidas, se isso for para enviar dinheiro ou dados pessoais). Eles podem te levar para sites fraudulentos que roubam seus dados.
  • Ative a autenticação em duas etapas: Essa medida torna mais difícil para os bandidos invadirem sua conta. Você cadastra uma senha secreta, dificultando a vida de quem quer usar seu número.
  • Não faça transações por WhatsApp: Se alguém te pedir dinheiro pelo aplicativo ou Pix, desconfie. Faça a transferência por um canal mais seguro, como depósito bancário, conferindo todos os dados da pessoa, inclusive nome completo e CPF.
  • Denuncie! Se você for vítima de um golpe, denuncie à polícia e também ao WhatsApp. Assim você evita que outras pessoas sejam vítimas do mesmo golpista.
O professor ainda alerta para a simulação de voz e imagem através da IA. “Hoje já é possível simular a voz e a imagem de outra pessoa com inteligência artificial, mas ainda é um golpe raro, porque dá bastante trabalho para o golpista”, informou.
Ainda de acordo com o especialista, é importante anotar o máximo de informações possível sobre o crime, como data, hora, local, nome dos envolvidos, número de telefone, dados bancários e de pix, etc. Além de guardar todas as provas que tiver, como fotos, vídeos, mensagens, prints de tela, etc.  
“Denuncie mesmo que não tenha certeza se o crime foi cometido. Se não quiser, não se identifique ao fazer a denúncia, mas denuncie!”, finalizou.

Meios de Denúncia

Polícia Civil de Varginha:
  • Avenida: Benjamin Constant, 431, Centro, Varginha, 37010-000
  • Telefone: (35) 3214-5512
  • E-mail: regional.varginha@pcivil.mg.gov.br
  • Dias de Funcionamento: segunda-feira à sexta-feira
  • Horários de Funcionamento: 08:00 às 12:00 e 13:00 às 18:30
 

Siga o Varginha Online no Facebook, Twitter e no Instagram.

Receba gratuitamente nossas notícias no seu celular, escolha o aplicativo de sua preferência:

 
Últimas Notícias
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
SIGA O VARGINHA ONLINE Curta a Página do VOL no Facebook Siga o VOL no Twitter Fale conosco
Página Principal | Expediente | Privacidade | Entre em Contato | Anuncie no Varginha Online
Site associado ao Sindijori

Todos os direitos reservados 2000 - 2023 - Varginha Online - IPHosting- Hospedagem de Sites (Parceiro Varginha Online)