Coluna | Fatos e Versões
Rodrigo Silva Fernandes
Advogado e articulista político do Jornal Gazeta de Varginha. Escreve todas as quartas e sextas.
Promessas; Educação Rede Municipal de Ensino; Contraditório; Plano Diretor
25/01/2017

O 36º partido político

No início deste ano, chegou ao Tribunal Superior Eleitoral o primeiro pedido de criação de novo partido político por meio do processo judicial eletrônico. É o chamado partido Igualdade. Se aprovado será o 36º partido no país no momento da mais grave crise política nacional, que, de acordo com os especialistas, só seria superada com a redução do excesso de legendas. 

Além desse, tramita na Justiça eleitoral o pedido de criação do partido Muda Brasil. Para criar um partido, o pedido deve ser enviado à Justiça Eleitoral assinado por seus fundadores, mais de 101 deles, com domicílio eleitoral em pelo menos oito estados. Até o momento, 56 legendas em formação estão cadastradas no portal do TSE. Após a criação da personalidade jurídica, os dirigentes terão que buscar o apoio mínimo de eleitores não filiados a outros partidos. O número de eleitores apoiadores é de 0,5% dos votos dados na última eleição para Câmara dos Deputados. Desnecessário dizer que boa parte dos partidos criados tem a finalidade específica de receber recursos do Fundo Partidário, que podem chegar a um bilhão de reais, além de servir de legenda de aluguel e negociata entre políticos pelo Brasil afora!

Promessas

Após novas e reiteradas reclamações quanto aos problemas de alagamentos na Avenida Plínio Salgado, o prefeito se reuniu com os secretários de Obras, e Planejamento para discutir uma solução definitiva para o problema. Contudo, tendo em vista que o caso decorre de anos de falta de investimentos, fiscalização e planejamento competente, é bem provável que, em 2018 vamos ter novas reclamações! A coluna não quer ser pessimista, e sim realista, visto que, o Executivo municipal sabe que não tem recursos para fazer algumas obras, todavia, realiza reuniões, faz promessas e ações paliativas para evitar desgaste político, com a óbvia divulgação para a imprensa, mas na verdade o problema foi apenas “varrido para debaixo do tapete”. A conferir!

Perguntar não ofende

Quem utiliza a área azul no centro da cidade e tem o carro roubado ou danificado será ressarcido pela Prefeitura de Varginha? Qual o benefício ou garantia que o contribuinte tem quando paga o cartão de área azul?

A Prefeitura de Varginha diz que não pode ajudar o Hospital Regional do Sul de Minas, que atende milhares de varginhenses todo mês, porque não tem recursos disponíveis, todavia, o prefeito diz que vai construir um “Hospital Infantil”, não há incoerência nisso?

O Bairro Sion recebe hoje o Mutirão da Dengue. Será que a Prefeitura de Varginha vai continuar perdendo a batalha para a Dengue? A população tem feito sua parte na prevenção e eliminação dos criadouros do mosquito?

Como está o estoque de sangue e hemoderivados em Varginha? A redução nas coletas tem afetado o cronograma de operações nos hospitais? O setor de saúde esta preparado para o período de Carnaval quando os acidentes costumam aumentar?

E quanto à febre amarela que vem assolando o leste mineiro, a Secretaria Municipal de Saúde esta preparada para enfrentar a doença, ou vai tomar outra surra, como acontece no caso da Dengue? Há sintonia entre município e Estado neste caso? 

Liderança

A Empresa Rede Pesquisa e Planejamento divulgou recentemente o resultado de uma ampla pesquisa onde foram analisadas a preferência e lembrança do consumidor em diversas áreas do comércio local. 

Na área de Jornal impresso o Jornal Gazeta de Varginha ficou em primeiro lugar, o que comprova a crescente relação de confiança e credibilidade do Jornal Gazeta com seus milhares de leitores. Na verdade, embora os meios de comunicação digital como TVs, blogs, sites e redes sociais tenham ampla e crescente atenção da população, no quesito credibilidade das informações o meio jornal impresso continua altamente representativo. Toda a equipe da Gazeta, bem como o signatário desta coluna, agradecem a preferência e confiança dos leitores, bem como dos anunciantes que também compartilham conosco deste reconhecimento.

Educação Rede Municipal de Ensino

A Prefeitura de Varginha divulgou o calendário do ano de 2017 com as datas do início do ano escolar e letivo. Para crianças de 0 a 3 anos de idade, matriculadas nos Cemeis - Centro Municipal de Educação Infantil da cidade, o início do ano letivo está marcado para o dia 24 de janeiro; para crianças de 4 e 5 anos, matriculadas nos EMEIs, dia 27 de janeiro, e para os alunos do Ensino Fundamental, a volta às aulas acontecerá no dia 31 de janeiro.

Ao todo estão sendo aguardados cerca de 10 mil alunos que fazem parte da Rede Municipal de Ensino de Varginha. À exemplo da Saúde, a Educação é outra área fundamental para o sucesso do governo municipal. Várias escolas precisam de mais investimentos, professores capacitados e dispostos a ensinar, possuir um material de qualidade e estrutura educacional moderna e preparada. Todavia, é público e notório que os bons professores, quando podem, deixam a rede pública em busca de melhores salários. As escolas padecem de material de ensino de qualidade e a estrutura das escolas precisa de melhorias. Além disso, vê-se que faltam vagas na pré-escola e a promessa de escola integral, feita inclusive por este governo, está longe de sair do papel. Todavia, é preciso reconhecer que a charmosa secretária de Educação tem mantido um bom relacionamento com os servidores da Educação e tem buscado as melhorias necessárias, muito embora esteja longe de conseguir solução para todos os problemas apontados. Ainda assim, a secretária de Educação é uma das preferidas do prefeito, visto que é da equipe técnica e não política, e permanece no cargo neste governo em virtude dos resultados alcançados no governo passado. Mas vale dizer que a secretária terá missão ainda mais espinhosa neste governo, pois precisa mostrar melhor rendimento que na administração passada, o que não será tarefa fácil!

Contraditório

A assessoria do Departamento de Edificações e Estradas e Rodagens de Minas Gerais - DEER/MG, atendendo pedido do Coordenador Regional em Varginha, Raimundo Zaiden, encaminhou nota de esclarecimento à Coluna sobre informação divulgada neste espaço. 

“Prezado Rodrigo Fernandes.

Diferentemente do que foi divulgado na coluna Fatos e Versões do dia 18/01/2016, em nota intitulada Parceria ou apadrinhamento, o trevo do Aeroporto, na BR-491, entre Varginha e Eloi Mendes, não é responsabilidade do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER/MG).” 

Na notícia divulgada pela coluna, a Prefeitura de Varginha noticia a intenção de construir uma trincheira no trevo do Aeroporto, na BR-491, entre Varginha e Eloi Mendes. Noticiava ainda que a iniciativa privada, possivelmente exportadores de café que utilizam o aeroporto e o UNIS poderiam participar do projeto.

A coluna destacava que tal obra, se realmente sair do papel, deveria ser nos moldes das Parcerias Público Privadas, contando com a parceria da Prefeitura de Varginha, Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte e também Departamento Estadual de Edificações e Estradas e Rodagens, visto que ambos tem interesse no assunto, bem como a iniciativa privada, que é quem primeiramente “lucra” com a obra! É curioso o rigoroso “limite de atuação” que as instituições desejam passar á imprensa e a sociedade.

Na verdade, se passa a impressão que as instituições não querem definir competência, mas apenas livrarem-se de responsabilidade uma vez que, qualquer obra viária, em rodovia no entorno da cidade, deveria ser do interesse dos governos municipal, estadual e federal, visto que por ali passam milhares de varginhenses, mineiros e brasileiros que pagam impostos aos três níveis de governo que quando são chamados a conhecer do problema, correm do compromisso! É o Brasil!

Plano Diretor

O Plano Diretor de Varginha volta a ser discutido na cidade. O momento é dos melhores, livre de contaminações eleitorais, visto o fim da campanha municipal. No início de uma gestão, ou seja, o que for definido terá tempo para ser colocado em prática. E ainda temos um planejamento financeiro para tal, visto que o atual governo deve ter previsão realista do quanto pode gastar para cada coisa que deseja fazer: trocando em miúdos, o governo municipal, se quiser, poderá construir com a sociedade um grande e exequível Plano Diretor para a cidade! Aproveitando o tema, também é necessário que o governo municipal volte ao Plano Municipal de Resíduos Sólidos, visto que o atual plano é um “arremedo de projeto, feito nas coxas com intuito único de entregar o aterro sanitário nas mãos da Copasa”. Agora que já conseguiu seus objetivo, a Prefeitura de Varginha poderia, pelo menos, discutir um Plano Municipal de Saneamento Básico e Resíduo Sólido de forma plural, construindo um plano integrado, moderno e exequível. A conferir a boa vontade política deste governo!

Mudança de rumos e fim do isolacionismo?

Na semana passada o prefeito Antônio Silva recebeu um diretor da Federação das Indústrias de Minas Gerais - FIEMG, onde conversaram sobre pontos do Plano Diretor da cidade, que está em construção por técnicos e membros do governo e sociedade. O encontro é um ponto positivo pois o caminhar municipal do atual prefeito, tendo como base as suas gestões passadas era de total isolacionismo junto a mecanismos externos de apoio a prefeituras, tais como Governo Federal, Estadual, Bancos de fomento, entidades de classe e patronais.

Todavia, no fim do governo passado e início deste, Antônio Silva tem intensificado seu empenho pessoal e de homens de sua confiança para participar de fóruns e encontros de âmbito regional, estadual e nacional a caça de oportunidades para a cidade! Que este movimento dure e mostre resultados! A título de ilustração, a Federação das Indústrias de Minas Gerais – FIEMG, entidade da qual o governo municipal começa uma aproximação, é a única representante da Indústria no Estado, mais poderosa entidade patronal de Minas, tem orçamento anual bilionário e reúne as maiores empresas de Minas. Nenhum grande investimento é feito no Estado sem antes passar pela entidade, que inclusive auxilia e financia empresários que desejam fazer investimentos no interior!

Guarda Civil Municipal prende assaltantes

A Guarda Civil Municipal de Varginha prendeu assaltantes que realizaram um assalto na última segunda, 23/01. O assalto aconteceu de manhã, próximo da agencia do Sicoob da Vila Pinto. Uma cliente estava chegando em uma agência bancaria para depositar cerca de R$ 46 mil, quando foi abordada por dois homens de moto que anunciaram o assalto, pegaram o dinheiro e fugiram em seguida. Na hora estava passando uma viatura da Guarda Civil Municipal que percebeu o fato e rendeu os assaltantes perto do Hospital dos Olhos, na Vila Pinto, conduzindo-os para a Delegacia de Polícia Civil.

A jovem, ao tentar se livrar dos assaltantes foi ferida com uma coronhada na cabeça, sendo necessários cinco pontos para fechar o corte. O caso é um ponto positivo para a Guarda Municipal que vem enfrentado “turbulências internas”. A prisão mostra que os guardas municipais podem muito contribuir com a efetiva segurança da cidade e voltar a ter os índices de aprovação da sociedade, nos moldes da época de sua criação. A Guarda Municipal também tem participado do trabalho de combate a Dengue, acompanhando os técnicos da área de saúde em inspeções pela cidade. Vê-se que ações assim “levantam o astral da tropa” e mostram que é possível sair do marasmo e “vida mansa” daqueles que apenas ficam no escritório com cargos de confiança ou no ar-condicionado do aeroporto!

Comente!

 
Últimos artigos deste colunista
« ver todos
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Colunistas

Página Principal | Notícias | Entretenimento | Guia Comercial | Guia de Bares e Restaurantes | Guia de Hospedagem
SIGA O VARGINHA ONLINE Curta a Página do VOL no Facebook Siga o VOL no Twitter Fale conosco
Quem Somos | Entre em Contato | Cadastre sua Empresa | Cadastre seu Evento | Central do Usuário | Anuncie no Varginha Online

Todos os direitos reservados 2000 - 2014 - Varginha Online - IPHosting- Hospedagem de Sites (Parceiro Varginha Online)